Nesta sexta-feira, dia 28 de junho, celebramos o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIAPN+, data que tem como principal objetivo conscientizar a população sobre a importância do combate à homotransfobia* para a construção de uma sociedade livre de preconceitos e igualitária, independente do gênero e da orientação sexual de cada indivíduo.

O Dia Internacional do Orgulho LGBTQIAPN+ também lembra que todos devem se orgulhar das suas sexualidades, das suas identidades de gênero e que ninguém deve sentir vergonha da sua orientação sexual: não importa se uma pessoa é heterossexual, homossexual, bissexual, transgênero, travesti, intersexo etc – o importante é ser respeitada como um ser humano e ter todos os seus direitos garantidos.

O SINASEFE homenageia a comunidade LGBTQIAPN+ pela passagem desta data e se coloca lado a lado da mesma na luta por uma sociedade sem opressão, sem preconceito e sem discriminação. E além da nossa homenagem, também lembramos que o sindicato ficará ainda mais diverso e representativo a partir da próxima composição da Direção Nacional (DN), quando teremos a Coordenação LGBTQIAPN+ – conforme deliberação do 35º CONSINASEFE.

Origem da data

O Dia Internacional do Orgulho LGBTQIAPN+ (criado originalmente como Dia Internacional do Orgulho Gay) é celebrado em 28 de junho em homenagem a um dos episódios mais marcantes da luta da comunidade gay pelos seus direitos: a Rebelião de Stonewall.

Em 1969, esta data marcou a revolta da comunidade gay contra uma série de invasões da polícia de Nova York aos bares que eram frequentados por homossexuais – nas quais os homossexuais eram presos e sofriam represálias por parte das forças policiais.

A partir deste acontecimento, foram organizados vários protestos em favor dos direitos dos homossexuais, por várias cidades dos Estados Unidos e do resto do mundo.

A 1ª Parada do Orgulho Gay foi organizada no ano seguinte (1970), para lembrar e fortalecer o movimento de luta contra o preconceito.

A Rebelião de Stonewall é tida como o marco zero do movimento de igualdade civil dos homossexuais no século XX.

LGBTQIAPN+

A sigla LGBTQIAPN+ significa:

  • Lésbicas
  • Gays
  • Bissexuais
  • Transgêneros
  • Queers e Questionando
  • Intersexuais
  • Assexuais, Arromânticas e Agênero
  • Pansexuais
  • Não binários

O símbolo de mais (+) no final da sigla aparece para incluir outras identidades de gênero e orientações sexuais que não se encaixam no padrão cis-heteronormativo, representando pluralidade.

Com informações do SINASEFE Nacional